• Aberto o Imposto I.T.R
    A Secretaria de Agricultura Comunica aos proprietários (as) de imóveis rurais do Município de Cruzeiro do Oeste que está aberto o ITR 2018.
Notícias
ESCLARECIMENTO SOBRE A VACINAÇÃO EM 2018

 

 

Cruzeiro do Oeste possui, atualmente, 02 salas de Vacinas em atuação, sendo uma na UBS CENTRAL (Unidade Basica de Saúde Central) e outra no Distrito São Silvestre em sua UBS SÃO SILVESTRE.

            Na UBS CENTRAL nos seguintes meses de NOVEMBRO e DEZEMBRO 2018, para ajudar aos pais e responsáveis pelas crianças e adolescentes, não haverá fechamento da sala de vacina para horário de almoço. Estando com seu horário de atendimento ao público atual das: 8:00 as 16:30 sendo que fora destes horários os profissionais estão atuando em serviço administrativos.

            Estamos a disposição da população para sanar possíveis dúvidas.

 

O calendário de vacinação do SUS (sistema único de saúde) é atualizado anualmente pelo SI-PNI (sistema de informações nacional de imunizações) e Ministério da Saúde, sendo todos os anos repassados aos profissionais de saúde, suas novas diretrizes de acordo com os patógenos (vírus e bactérias) recorrentes ao ano anterior.

            Por vários anos muitas crianças e adolescentes foram privados por seus responsáveis do direito de receberem a imunização contra as patologias de maiores periculosidades; consequentemente as patologias que estavam erradicadas retornaram ao País, sendo assim o Governo Federal está exigindo que este direito da criança e do adolescente seja cumprido.

            Segue de acordo com as seguintes leis:

- DECRETO Nº 78.231, DE 12 DE AGOSTO DE 1976

- Portaria 1533 de 18 de agosto de 2016

- LEI No 6.259, DE 30 DE OUTUBRO DE 1975

- LEI Nº 8.069, DE 13 DE JULHO DE 1990

- Calendário de vacinação vigente 2018 - Secretaria de Estado da Saúde. Superintendência de Vigilância em Saúde - SVS / Centro de Epidemiologia – CEPI / Divisão de Vigilância do Programa Estadual de Imunização - DVVPI. Atualizado: Janeiro / 2017.

- LEI ESTADUAL N.19534 de 04 de junho de 2018 , Dispõe sobre a obrigatoriedade da apresentação da carteira de vacinação no ato da matrícula escolar.

- INSTRUÇÃO NORMATIVA CONJUNTA Nº 01/2018 – SEED/SESA, Dispõe sobre Instruções para cumprimento da Lei Estadual nº 19.534, de 04 de junho de 2018.

            Foi implantado assim no Estado do Paraná a obrigatoriedade da Declaração e/ou Comprovante de Vacinação devidamente expedido pelo profissional de saúde específico da Imunização, no ato da matrícula escolar garantindo assim que todas as crianças sejam vacinadas.

            Cada imunobiológico (vacina) como qualquer medicamento administrado no organismo, há suas porcentagens de Eventos Adversos pós vacinação e/ou medicação (reações vacinais ou medicamentosas), que estes já conhecidos e estudados previamente e citados em protocolos pelo SI-PNI e Ministério da Saúde.

                          

As vacinas obrigatórias para 2018, cada uma com sua idade pré-estabelecida são as seguintes:

 

- BCG (previne contra a tuberculose e hanseníase)

- HEPATITE B (previne contra a Hepatite B)

- HEPATITE A ( previne contra a Hepatite A)

- POLIOMIELITE 1,2,3 (previne contra a paralisia infantil)

- ROTAVÍRUS HUMANO (previne contra diarreia e vômito)

- PENTAVALENTE (previne contra difteria, tétano, coqueluche, meningite e hepatite B)

- PNEUMOCÓCICA 10 (previne contra pneumonias, meningites, otites, sinusites)

- MENINGITE C (previne contra meningite C)

- FEBRE AMARELA (previne contra a febre amarela)

- TRIPLICE VIRAL (previne contra sarampo, caxumba e rubéola)

- TETRA VIRAL ( previne contra  sarampo, caxumba, rubéola e catapora)

- DTP (previne contra difteria, tétano e coqueluche)

- DT (previne contra difteria e tétano)

- VARICELA (previne contra a catapora)

- PAPILOMAVÍRUS HUMANO HPV (previne contra o vírus papilomavírus humano 6,11,16 e 18 )

           

Cada esquema vacinal é realizado de acordo com a faixa etária de cada pessoa, sendo assim recebendo vacinas específicas para cada idade de acordo com o calendário vacinal vigente daquele ano da vacinação. Por isso é tão importante manter o uso da mesma carteirinha de vacinação na vida, pois este é um documento único e exigido em todos os lugares, principalmente para viagens nacionais e internacionais.

            O Brasil é um país tropical (clima quente e úmido) tendo uma proliferação de vírus e bactérias muito alta, sendo que alguns não apresentam perante a medicina cura ou tratamento eficaz, por isso são criadas as vacinas que nada mais são do que “medicamentos” com o intuito de prevenir a contaminação pelas doenças. Quanto mais vírus e bactérias surgem, mais vacinas surgirão.

           

 

Atenciosamente Enfermeira Cíntia Loução Pereira de Lima.

26/11/2018




Outras Notícias
+ Notícias
Agenda local
Prefeitura Municipal de Cruzeiro do Oeste
Rua João Ormindo de Rezende, 686
CEP: 87400-000
Telefone: (44) 3676-8150
prefeitura@cruzeirodooeste.pr.gov.br
 
Webmail | Ouvidoria | Intranet | Sistema Saúde
Cidade Governo Serviços Transparência
Imprensa Fale Conosco
Localização
Histórico
Gabinete do Prefeito
Secretarias
Programas
Telefones
Agenda
Defesa Civil
Acesso à Informação
Legislação
Notícias
Fotos
Vídeos
Ouvidoria
Última Atualização: 18/01/2019